Letra A – por Gustavo Aragão (poema infantil)

0

No ar e no mar sou sempre bem vinda Amada, falada, encantada, sou linda! Estou em ama, bacana, banana, sou fada Apareço no início, no meio e no fim de almofada Sou parte da Lua, de Ismália, de sua. Vejo-me em lua no céu E parte da lua e do mar… Sou ora fofinha, ora esbelta, por vezes alta e outras baixinha, estou na diferença, na crença, na esperança… Menina letrada, cheia de magia e graça primeira em amor, segunda em calor, sou letra esperta, estou sempre em alerta. Sou A (a) seu dispor. Por Gustavo Aragão Cardoso – 11/03/2009 – SP. O texto acima tem seus direitos reservados ao autor perante a Lei de Direitos Autorais. Fica, portanto, terminantemente proibida a reprodução total ou parcial da obra sem a prévia autorização do autor.

Comentários