Meio silêncio sentido – por Gustavo Aragão

0

[…]

O silêncio é por si só discurso totipotente e plurissignificativo.
                                                        
[…]

As faces do silêncio são o estopim de múltiplos sentidos que bebo em filamentos de azul intenso, quando quero dizer mais do que diria caso tivesse mil e uma palavras.

[…]                                                                                             

O silêncio é um estado de graça que nos engole tão logo se faça;

silêncio.

[…]                                                                 

Silenciar é gritar sentidos sem meias ou inteiras palavras.

[…]

O silêncio é um grito abafado.                                                            

[…]              

Bebo uma taça de puro silêncio e arroto reflexos de sentido(s) vário(s). 

[…]

 

Por Gustavo Aragão

Todos os direitos estão reservados ao autor perante a Lei de Direitos Autorais. Fica proibida a veiculação sem a autorização prévia do autor.


 

Comentários