Missa em homenagem a Lampião e Maria Bonita na Grota

0

(Fotos: Cassandra Teodoro)

Será realizada em Sergipe no sábado (28.07), ás 10h, no município de Poço Redondo, uma missa em homenagem ao aniversário de morte de Lampião e Maria Bonita, líderes do maior grupo de cangaceiros que já existiu no país. A missa acontece a cerca de 15 anos na Grota da Fazenda Angico, local que se tornou um dos maiores roteiros turísticos de peregrinação do estado sergipano.

“Mais de 500 pessoas visitam toda semana essa rota que ficou conhecida como ‘A Rota do Gangaço’ onde o visitante chega até o local e encontra uma placa simbólica marcando onde os cangaceiros foram emboscados, além disso, os turistas passam por uma trilha e podem visualizar as belezas da caatinga nordestina e ao final saber e desfrutar da  história de um dos maiores líderes que o cangaço já teve.”, conta Aragão representante da Mftur Receptivo que faz diariamente este roteiro.

A Grota de Angicos ficou conhecida em julho de 1938 por conta da emboscada que culminou com o fim da trajetória de Lampião e Maria Bonita e hoje é um local muito procurado por turistas de todo o Brasil e do mundo, sendo um dos grandes atrativos turísticos do Estado de Sergipe. De acordo com José Roberto Lima, Secretário Adjunto de Turismo de Sergipe, a Grota do Angico representa uma parte cultural da história não só do sergipano como também do país. “Temos que usar esses aspectos da história e da cultura como um fator de atração turística. É muito importante que todas as pessoas conheçam mais da história de Sergipe que é muito rica.”

Para Vera Ferreira, neta de Lampião e Maria Bonita e responsável pela organização da homenagem, a missa será um momento de paz e um momento para se manter viva a história do líder cangaceiro. “Quero que a missa seja um momento de paz, onde as energias positivas predominem e possa se manter viva a história.”

Fonte: Ascom Setur e Emsetur

Comentários