Motoristas de táxi comemoram bons lucros

0

Frota de táxi foi suficiente para atender a demanda

O movimento entre os foliões que optaram pelos serviços de táxi foi intenso durante o Pré-Caju 2005, o que provocou a dinamização da economia local de transportes dessa categoria. Este ano, cerca de 2 mil veículos foram disponibilizados pela Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), uma estratégia que também facilitou o acesso de inúmeras pessoas até os mercados municipais, onde acontece o evento.

 

Para o motorista Josival Lima, os bairros onde houve maior número de solicitações foram o Salgado Filho, Augusto Franco, Orlando Dantas e São José, o que resulta em uma fatura considerável, quando comparado ao grande contingente por localidade.

 

“O Pré-Caju tem melhorado a cada ano e isso dinamiza o nosso comércio. As pessoas se sentem motivadas em participar de um evento que hoje envolve sergipanos, pessoas

 
de outros estados e até estrangeiros”, reconhece.

 

O local de maior concentração de táxis ficou situado próximo ao Terminal Hidroviário, onde os foliões se dirigiam para retornar às suas devidas casas. Lá, segundo o motorista, não havia espera, ao contrário do quadro presenciado em outras localidades.

 

“Se não há condições de reservar um carro, é preciso que os clientes se dirijam a locais de fácil acesso e com antecedência. Assim, podem chegar mais cedo ao local de destino, curtindo por muito mais tempo as atrações e se desviando da grande multidão”, concluiu ele.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais