Músicos fazem ato para cobrar cachês do Forró Caju e Arraiá do Povo

0
Ato foi realizado na Rua São João (Fotos: Portal Infonet)

Músicos sergipanos fizeram na tarde desta terça-feira, 4, um ato na Rua de São João para cobrar o pagamento dos cachês referentes as apresentações feitas no Forró Caju e Arraiá do Povo.

Tonico Pereira lamenta situação dos músicos

O presidente do Sindicato dos Músicos de Sergipe (Sindimuse), Tonico Pereira, disse que entrou em contato com o Ministério da Cultura, que é responsável pelas verbas, e obteve a informação de que os recursos somente serão liberados após aprovação de documentação da PMA e Governo. “O Sindicato entrou em contato com o Minc, que informou que o problema da PMA era envio de documentação, e que no caso do Governo, os documentos já chegarão, mas estão em análise”.

Os músicos também estão insatisfeitos com o fato de a PMA já ter feito o pagamento dos artistas que vieram de outros estados. “O prefeito falou que os artistas de fora foram pagos. Estamos muito tristes com isso porque primeiro, tem que ser os nossos músicos e a nossa cultura. Não é dessa forma que se fomenta a cultura no estado. Tem vários músicos com dívidas, pois tomaram dinheiro emprestado”, lamenta Tonico.

Luiz Fontinelli diz que espera pelo cachê vai completar 90 dias

“A gente se inscreveu no edital da PMA tendo a certeza de que o dinheiro já tava na conta do município. No caso do edital da orla, a gente já sabia que o pagamento acontecia em 30 ou 40 dias. Mas nos dois casos, a situação está perto de completar 90 dias e a única resposta que temos é que Prefeitura e Governo estão aguardando o Ministério da Cultura”, desabafa o cantor Luiz Fontineli.

PMA

A Prefeitura de Aracaju explicou que algumas atrações do palco principal receberam os cachês com recursos que representavam a contrapartida financeira municipal. A PMA disse também que está aguardando os trâmites legais do Ministério da Cultura para que comece a ser efetuado o pagamento dos músicos que se apresentaram no Forró Caju 2018. A PMA ressaltou que após atender todas as diligências do órgão federal, aguarda o repasse do pagamento e assegurou que, assim que o repasse for feito, será quitada a pendência com os artistas.

Governo

O Governo de Sergipe, por meio da Secult, disse que está aguardando o repasse correspondente ao valor de R$ 400 mil para efetuar o pagamento dos artistas sergipanos que participaram do Encontro Nordestino de Cultura – Arraiá do Povo.

A Secult disse também que a documentação enviada no processo de execução do convênio foi aceita pelo setor responsável do MinC, que já está em trâmite para conclusão de pagamento. A Secult informou que, de acordo com o MinC, os recursos já estão disponíveis e os repasses serão feitos tão logo haja a liberação dos processos pela área técnica e jurídica.

por Verlane Estácio

Comentários