Naurêa além das fronteiras sergipanas

0

A Naurêa está ganhando o Brasil e o mundo. A banda sergipana, misturando tradição e modernidade ganhou as fronteiras do Estado e hoje já possui fãs e admiradores de seu trabalho pelo país afora. Prova disto é a matéria publicada na revista nacional Carta Capital de 15 de fevereiro deste ano.

Segundo a matéria “A música fora do eixo”, do jornalista Pedro Alexandre Sanches, a banda é um dos componentes da nova safra de música brasileira, que mistura tradição e futurismo e que conquista público, mesmo estando à margem das grandes gravadoras e da mídia nacional.

Shows – Outra prova de que a banda está ganhando o Brasil é a agenda de shows. No ano passado, depois de Maceió, Recife, Fortaleza, Salvador e Garanhuns, a Naurêa fez sua primeira apresentação fora do Estado: um show em Vitória, no Espírito Santo, para um público de cerca de duas mil pessoas.

Depois disso, o grupo não parou mais. No mês passado eles foram uma das atrações do Carnaval de Recife, um dos maiores do país. A apresentação agradou tanto que a banda foi convidada para toca na Alemanha.

Contudo, antes de embarcar para a Europa, em julho, onde devem realizar apresentações em outros países além do já citado, a Naurêa estará fazendo uma parada na capital federal, onde participa da Feira da Música Independente de Brasília (www.fmi2006.com.br). O evento reúne músicos do país e do exterior em shows, palestras e workshops.

Além disso, a banda se apresenta neste fim de semana na Festa do Boi da Macuca, que acontece numa fazenda, de mesmo nome, localizada em Poço Comprido, distrito de Correntes, a 30km de Garanhuns, em Pernambuco. O evento está em sua sexta edição e reúne milhares de pessoas que vão à fazenda para curtir apresentações de teatro, música, sarau de poesia, além de aproveitar a boa energia do local.

CD e Cinema – Atualmente a banda está em fase de finalização de seu segundo CD. E para abrilhantar ainda mais a trajetória de sucesso, a Naurêa está conquistando o seu espaço também na cinematografia brasileira. A banda terá uma de suas músicas compondo um longa-metragem nacional.

Trata-se da música “Bomfim”. Ela faz parte do primeiro trabalho da Banda “Circular Cidade 2” e estará na trilha sonora do longa-metragem Foliar Brasil, dirigido pela cineasta carioca Carolina Paiva. O longa-metragem está em faze de finalização e deve estrear nas salas de cinema em todo o país no próximo ano.

Comentários