NPD Orlando Vieira comemora cinco anos

0

Aconteceu na última quarta-feira, 21, o evento de abertura das comemorações do aniversário de cinco anos do Núcleo de Produção Digital (NPD) Orlando Vieira, uma das unidades da Fundação Municipal de Cultura e Turismo (Funcaju). Além disso, a data também foi a celebração do aniversário de 80 anos do ator sergipano que dá nome ao Núcleo, o Sr.º Orlando Vieira.

O evento, que reuniu alunos e professores do NPD, além de políticos, artistas e gestores de cultura da cidade, teve como cenário a própria sede do Núcleo. Logo no início da noite, o vice-presidente da Associação Brasileira de Documentaristas e Curtametragistas de Sergipe (ABD/SE), Thiago Hora, recebeu das mãos do próprio Orlando Vieira, ao lado de Waldoilson Leite, presidente da Funcaju, a 2ª edição do prêmio Orlando Vieira.

Reconhecimento

“Tanto o município como o estado de Sergipe tem o Núcleo de Produção Digital como uma referência nacional. Nós vemos, todos os dias, os resultados positivos gerados por ele; Seja pelos filmes produzidos, pelas oficinas ou curso ofertados. O sucesso do NPD é o sucesso da Funcaju e da Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA). Estão todos de parabéns: o Núcleo e o senhor Orlando Vieira, esse grande artista sergipano que hoje completa 80 anos”, afirma Waldoilson Leite.

A diretora do NPD, Graziele Ferreira, também comemora o aniversário do Núcleo. “O Núcleo de Produção Digital, como instituição, ainda é muito novo. Cinco anos é muito pouco, mas em cinco anos nós já conseguimos muita coisa. O fato de termos ganhado o KinoOikos, no Kinoforum, que é o maior festival de curta metragens da América Latina, onde nenhum curta de nenhum NPD do Brasil  jamais foi sequer selecionado, já mostra o quanto o Núcleo se desenvolveu. E nesses dois anos e meio em que sou diretora daqui, eu pude perceber que o NPD Orlando Vieira não só democratiza a produção do audiovisual, mas também desperta os talentos dos nossos jovens”, comenta.

Confirmando o que a Graziele Ferreira diz, o aluno do Núcleo, Elvacir Luiz, de 18 anos, revela que o NPD está sendo de suma importância na sua vida. “Foi ele que me proporcionou a experiência de ser um dos diretores de produção do curta ‘Do Outro Lado do Rio’. Aqui, quanto mais a gente aprende, mais a gente quer aprender. É mais do que uma relação de aluno-professor, é uma relação de amigo. Você aprende de uma forma muito legal, muito diferenciada. Não quero sair daqui tão cedo!”, diz ele.

Comemorações

Dando seguimento à programação da noite, o curta ‘Do Outro Lado do Rio’ e uma vinheta comemorativa dos cinco anos do NPD também foram exibidos para o público presente.  Essa vinheta, produzida pelos próprio alunos do Núcleo, posteriormente será veiculada pelo Cine Circuito Livre, que também exibirá os filmes de Orlando Vieira. Nessa mostra em homenagem ao grande ator sergipano,  o Conselho Nacional de Cineclubes Brasileiros, o Cine Mais Cultura, a Secretaria de Estado da Cultura de Sergipe, o SESC e a ABD/SE também são parceiras.

“Eu estou completando meus 80 anos feliz em ver que o NPD vem dando andamento ao audiovisual sergipano. O progresso está à vista, principalmente com a premiação de ‘Do Outro Lado do Rio’ no Kinoforum, selecionado inclusive para ser exibido em um festival da Europa. Isso significa que outros estados, até outros países, estão dando valor ao que vem sendo produzido aqui, e nós também temos que dá esse valor. A gente só tem a lucrar com isso, nós e esses jovens que o NPD vem preparando para serem nossos próximos cineastas”, comenta o Sr.º Orlando Vieira.

E a primeira noite de comemoração dos cinco anos do NPD, que serviu também para aproximar agentes culturais da cadeia produtiva do audiovisual sergipano, foi encerrada com a música do DJ JB. Mas, segundo Graziele Ferreira, as celebrações não param por aí: até o mês de  dezembro, uma série de debates, oficinas e eventos também prometem marcar o aniversário do Núcleo. “Graças a Deus, é muita coisa para comemorar: os cinco anos do NPD, os 80 anos de Orlando Vieira, a premiação no Kinoforum, a ida à Paris e a premiação no Curta-SE 2011”, completa.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais