Príncipe do baião

0

Uma das atrações mais esperadas dessa terceira noite de forró em Aracaju é o cantor e compositor pernambucano Jorge de Altinho. No início, Jorge realizava composições para artistas renomados, como o Trio Nordestino. A canção “Petrolina Juazeiro” estourou nas rádios de todo o país, confirmando o talento de Altinho. Quando resolveu se tornar também cantor, inspirou-se em Raul Seixas e Jackson do Pandeiro. Nesse período gravou discos independentes e para a sua surpresa, o disco que fora comercializado sem capa, pois as mesmas tinham sido confeccionadas em São Paulo e demorou a chegar em Recife, vendeu cerca de 48 mil cópias em menos de um mês. A partir daí Jorge de Altinho ficou conhecido como o “príncipe do baião”. Com a entrada neste momento do cantor no palco Luiz Gonzaga, todos na praça Hilton Lopes são súditos e estão prontos para curtir sucessos como “Jeito manhoso”, “Estrela do amor”,”Fio dental”, entre outros.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais