Reggae tem aceitação entre público alternativo

0

Artigos e confecções alternativos também no Pré-Caju
Para quem pensava que os foliões do Pré-Caju só se limitavam ao axé, ao pop rock e ao brega, o Portal InfoNet faz questão de divulgar uma novidade: o estilo reggae percorre não só o interior, mas também os arredores da festa, garantindo todos os anos um público assíduo e igualmente motivado pela alegria.

Na praça Gal. Valadão, o ambiente é de pura calmaria e meditação. No local, há espaço para o consumo de “cravinhos” e para compra de utensílios hippie, como tocas, colares, camisas do ídolo Bob Marley e bolsas rústicas. Um arsenal de confecções que atrai fãs de todos os estilos musicais.

“Aqui flui uma energia muito boa também, a prova está na mudança de local e, mesmo diante disso, a permanência de pessoas interessadas em apreciar o melhor da música reggae. Antes atuávamos no final dos Mercado Thales Ferraz e, agora, com a mudança posso garantir que preservamos o sucesso das vendas”, salientou o vendedor Eduardo Rodrigues.

Banda Reação – Um dos maiores destaques da música alternativa no Pré-Caju 2005 foi o repertório da banda Reação, um dos maiores nomes do reggae sergipano. A banda motivou a pipoca no final da tarde deste último dia de festa, “abalando o sistema” no trio elétrico Voyage.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais