São Francisco cria Secretaria Municipal de Cultura

0

(Fotos: Fabiana Costa/Secult)

Mais uma vitória para a cultura sergipana. A partir de agora o município de São Francisco conta com uma pasta específica para as ações voltadas para a cultura: a Secretaria Municipal de Cultura. Essa é mais uma conquista da secretária do Estado da Cultura, Eloísa Galdino, que em outubro do ano passado foi até o município para tentar sensibilizar a administração municipal sobre a importância da criação da pasta.

“Estamos muito felizes por ter conseguido despertar no gestor municipal essa preocupação com a cultura. A cultura de uma forma geral vive um momento muito bom e é preciso que os administradores públicos percebam a importância da criação de uma pasta específica para gerir o setor. A cultura sergipana só tem a ganhar com isso”, destacou a secretária.

À frente do Departamento de Cultura do município desde 2009, o atual secretário de Cultura, Cícero Ferreira, entende a importância da criação da pasta e, por isso, foi o maior incentivador desta ação da prefeitura. “O prefeito entendeu, através do apoio da secretária Eloísa, que a cultura tem que ser discutida de igual para igual com as demais pastas”, ressaltou o atual secretário de Cultura do município.

Outro aspecto importante da criação, ressaltado por Cícero, é que o município passa a dialogar com a política que vem sendo adotada a nível federal e estadual, através de ações de institucionalização da Cultura. O próximo passo, segundo ele, será a criação do Conselho Municipal de Cultura e a elaboração da proposta de minuta do Plano Municipal de Cultura.

Dentre as ações que já estão sendo planejadas para o mês de junho pela recém criada Secretaria Municipal de Cultura estão: os Festejos Juninos do município e a realização de um Fórum de Cultura. Neste evento serão escolhidos os membros que irão constituir o Conselho Municipal de Cultura. “Para mim é um ato fundamental ter o Conselho constituído. Quero que a sociedade civil me ajude no processo de gestão da cultura do município”, enfatizou.

Com a criação da Secretaria de Cultura, o município caminha para a adesão ao Sistema Nacional de Cultura e serve como modelo para os demais municípios sergipanos que ainda não possuem pastas específicas para a cultura.

“São Francisco é um município com três mil habitantes que entende a Cultura como um eixo estratégico de desenvolvimento da sociedade. Com a criação da secretaria, a cultura passa a ser entendida como política pública e passa a ter tanta importância quanto às demais pastas”, finalizou Cícero.

Fonte: Ascom Secult

Comentários