Semana do Hip hop começa segunda-feira, 4, em Aracaju

0
Centro de Criatividade será palco de apresentações

Capital do Hip hop. É assim que Aracaju vem sendo chamada pelos fãs desta arte das ruas. O motivo desse título é que a capital do Estado de Sergipe foi a primeira cidade brasileira a sancionar uma lei que cria a Semana do Hip hop.

Realizada pela Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA), por meio da Coordenadoria Municipal da Juventude, em parceria com a Nação Hip hop Brasil, a primeira Semana do Hip hop acontece de 7 a 12 de maio.

Segundo o coordenador municipal da Juventude, Antonino Cardozo, esse é um marco para as comunidades aracajuanas que atuam na área.

"A importância da lei é o reconhecimento do Hip Hop como expressão da cultura urbana. Hoje, o crescimento do movimento é progressivo e há uma explosão do número de manifestações na área. A semana promove um espaço legítimo para os representantes do movimento mandar seu recado por meio da música, grafite, poesia e literatura. Levando a dura realidade que enfrenta para uma discussão geral com a mídia e toda sociedade", diz.

Segundo Antonino, as atividades da Semana se espalham por diversos bairros da cidade e serão gratuitas. Durante o evento, as equipes da Prefeitura e os apoiadores do projeto vão oferecer oficinas, minicursos e debates sobre as áreas que interagem e formam a chamada cultura hip hop, como grafite, break e DJ. "Vamos oferecer oficinas, minicursos, palestras e debates sobre isso. Queremos com isso, não só incentivar essa cultura, mas também aproximar e incluir as comunidades, levando o evento para próximo delas", explica Antonino.

Para Hot Black, presidente estadual da Nação Hip hop Brasil, o reconhecimento por parte da Prefeitura é muito importante para a consolidação desse tipo de expressão artística em Aracaju.

"É o reconhecimento do hip-hop como ferramenta de transformação social. Quando Edvaldo reconheceu a lei, ele também reconheceu a importância dessa arte para as comunidades de Aracaju. Não é de hoje que o hip-hop tem estado presente nas ações da Prefeitura, a lei é um símbolo disso", comenta Hot Black.

Inclusão

Segundo Antonino, o evento é aberto ao público e os interessados em participar só precisam chegar na hora, comenta. A programação também vai incluir cerca de 400 participantes do Projovem, além de levar alunos de escolas municipais para participar da Semana.

Programação

Semana Municipal do Hip Hop – 7 a 12 de maio de 2012

5 de maio (Sábado)
12h – Programa Fala Jovem dedicado a semana do Hip Hop

Local: Rádio Aperipê FM

6 de maio (Domingo)
17h – Programa Império Periférico

Local: Rádio Aperipê FM

7 de maio (Segunda)
9h – Tribuna Livre

Local: Câmara de Vereadores.
17h – Nós no Centro

Local: Praça General Valadão.
20h – Passarela do Hip Hop

Local: Rua da Cultura

8 de maio (Terça)
13h – Hip Hop na praça

Local: Praça de Juventude

9 de maio (Quarta)
13h – Hip Hop na praça

Local: Ponte da Barra dos Coqueiros

10 de maio (Quinta)
13h – Hip Hop na praça

Local: Centro de Criatividade

11 de maio (Sexta)
8h – Encontro de Grafite – Local: Murro do Aeroporto/Augusto Franco.
14h – Batalha de B. Boys – Local: Centro de Criatividades 19h – Mesa redonda: Hip hop em debate e Pockt Show com Gog

Local: Centro de Criatividade – Palestrante: Dexter e Convidados

12 de maio (Sábado)
19h – Grande show de encerramento com Dexter e convidados

Local: Centro de Criatividade.

Fonte: Assessoria do evento

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais