“Sou apaixonado por Aracaju!”, diz Netinho

0

Netinho toca hoje na Live
Aos 42 anos, Ernesto de Souza Andrade Júnior, o Netinho, volta aos palcos aracajuanos na noite desta sexta, 1º, na boate Live. Após um tempo longe da axé music, Netinho lança novo CD e revela em entrevista ao Portal Infonet sua paixão pela capital sergipana.

Portal Infonet – O que o público de Aracaju pode esperar do show de hoje?

Netinho – Muita energia, muita energia mesmo, que não vai deixar ninguém ficar parado! Ao contrário do que algumas pessoas estão pensando, o show não é intimista, é puro axé, pancadão mesmo. A intenção dessa nova turnê chamada  ‘Cara a Cara’ é tocar em lugares pequenos e com palco baixo, que tá sendo muito legal. A galera fica pertinho de mim, a mulherada sobe no palco, dança comigo… Uma loucura.

Infonet – E a mulherada aracajuana também vai poder fazer isso?

N – Claro, sem dúvida! (risos)

Infonet – É fato que as músicas antigas são as mais esperadas no show de hoje. Qual delas é indispensável em uma apresentação?

N – Poxa cara, que pergunta difícil. A galera pede mesmo as antigonas, mas não tem uma especifica, música é igual a filho. Todo show tem que cantar uma porção delas, como ‘Pra te ter aqui’, ‘Mila’, ‘Preciso de Você’ e outras.

Fãs tietam o cantor no hotel
Infonet – E o novo CD?

N – Ah, o novo CD está muito bacana, acabou de sair do forno, com muita música massa, vendido a um preço muito bom para não dar espaço à pirataria. Lançamos o ‘Minha Praia’ há duas semanas, já está sucesso absoluto em Salvador e está começando a conquistar o Brasil também.

Infonet – Você teve dez músicas, a maioria romântica, emplacadas em novelas. O romantismo também está presente no novo álbum?

N – Sim, sim! Este CD está vindo aí com duas músicas muito lindas e até com uma regravação do Fábio Júnior, ‘Caça e Caçador’. Aproveitando que você falou, a gente está estudando aí encaixar uma delas em alguma novela.

Infonet – Por muito tempo você comandou o Bora-Bora, no Pré-Caju, e muita gente sente falta. Tem planos de voltar com o bloco?

N – Bora-bora… Nossa, muito bom, e ainda tinha o infantil, ‘Borinha’ (risos)! Tenho muita saudade do Pré-Caju, tenho recordações lindas, momentos marcantes mesmo em minha carreira e minha vida. Quero muito voltar a tocar, até porque é um dos poucos carnavais fora de época no país que é aberto a todo mundo, algo muito legal e raro. Sou apaixonado por Aracaju, ganhei até o título de cidadão aracajuano!

Cantor é uma das estrelas da música baiana
Infonet – Você já passou dos 40 anos e continua com a forma física do começo de carreira. Tem segredo?

N – É cara, já tô com 42 anos! O segredo é basicamente felicidade, estou em um momento muito bom da minha vida. Mas também os exercícios físicos e a alimentação ajudam, porque eu não como gordura, sal, doce e bebo moderadamente.

Infonet – Para encerrar, você pode falar dos seus planos para o futuro e convidar os internautas pro show de hoje.

N – Ah, vou fazer um réveillon inesquecível este ano em um hotel de Aracaju, com um show de três horas, junto ao DJ Cafu, e tô com muita vontade de voltar ao Pré-Caju. Agora é trabalhar o novo CD e o show da nova turnê, que a galera aí conectada no Portal Infonet não pode perder de jeito nenhum.

Por Glauco Vinícius e Carla Sousa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais