Três projetos sergipanos são contemplados pela Funarte

0

A Fundação Nacional da Arte (Funarte) divulgou nesta semana as relações de projetos contemplados pelos Prêmios Myrian Muniz de Teatro e Klauss Vianna de Dança. Foram selecionados trabalhos de 166 companhias, no segmento teatral, e de 61 grupos na dança. De Sergipe foram escolhidos três projetos, dois de teatro e um de dança.

De Sergipe foram contemplados no Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz: o Grupo Cultural Edmilson Suassuna, com o projeto ‘O médico, à força, Moliére para todos’; e o grupo Imbuaça com o projeto ‘Grupo Imbuaça – 30 anos Construção da Memória’. Cada um receberá R$ 20 mil.

No Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna apenas o projeto ‘Sustentabilidade Cultural’ da quadrilha junina Ciganinha da cidade de Tobias Barreto foi contemplado em Sergipe. Ele receberá também R$ 20 mil.

Concorreram aos prêmios cerca de 1.500 proponentes, sendo 1.062 com projetos para oficinas, leituras e encenações teatrais, e 317 para cursos, estágios e espetáculos de dança. Serão investidos recursos da ordem de R$ 10 milhões, sendo R$ 7 milhões para o Prêmio Funarte de Teatro Myrian Muniz e R$ 3 milhões para o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna.

O objetivo das premiações é apoiar financeiramente a produção de grupos independentes de Teatro e de Dança, de forma a consolidar companhias e grupos existentes no país.

 

Comentários