TTB recebe espetáculos do grupo “Ponto de Partida”

0

Ponto de Partida atuando

O consagrado grupo teatral mineiro Ponto de Partida chega a Aracaju para duas apresentações no Teatro Tobias Barreto (TTB), neste sábado, 30, às 20h e neste domingo 31, às 18h. Com apoio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), os espetáculos fazem parte do projeto ‘Expedições’, da Vale, que é incentivado através de investimentos da Lei Rouanet.

No sábado, o público que for ao TTB poderá conferir a peça ‘Ciganos’ de Bartolomeu Campos de Queirós. Um misto de poesia e humor, o texto conta a história de um menino, ao mesmo tempo que reconta capítulos da infância de todos nós. O mistério e o fascínio da cultura cigana fazem parte da peça.

Já no domingo, os espectadores poderão conferir a peça teatral ‘Os Gnomos contam a história do Gato Malhado e da Andorinha Sinhá’, cujo texto original foi escrito por Jorge Amado. Aborda a história de amor de um gato por uma andorinha e todas as conseqüências deste amor. Ambos os espetáculos já foram apresentados em várias cidades do Brasil, Europa e América do Sul.

Quem deseja conferir os espetáculos, basta doar um livro infantil na entrada do teatro, como explica a produtora Solange Gomes. “Os espetáculos têm como objetivo incentivar a leitura para crianças. Por isso, ao invés das pessoas comprarem ingresso, basta elas levarem um livro para ter acesso às peças. O grupo Ponto de Partida é um consagrado grupo teatral que já está em atividade há mais de 30 anos. Eles trazem, também, uma estrutura maravilhosa de palco. Vale a pena conferir”, frisou Solange.

Os livros arrecadados com as apresentações teatrais serão doados para a Biblioteca Infantil Aglaé Fontes – unidade gerenciada pela Secult.

Sobre o grupo

O Ponto de Partida é um grupo de teatro mineiro com 30 anos de tradição. Além de espetáculos consagrados em diversas cidades do mundo, sistematizou processos e métodos de criação e produção, conquistou parcerias, e construiu um repertório de dramaturgia brasileira, cunhando uma marca. Tornou-se uma companhia de repertório, itinerante e independente, com 21 profissionais em exercício permanente, 30 espetáculos montados, com apresentações pelo Brasil, África, Europa e América do Sul.

Atualmente o Ponto de Partida é responsável direto pela formação e o trabalho de 251 pessoas divididas em seus vários projetos, entre eles a Bituca: Universidade de Música Popular e os Meninos de Araçuaí. 

Fonte e foto: Secult

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais