Abertura da Fitec marca lançamento do PDI de Sergipe

0

Futec pretende receber até 10 mil visitas entre quinta-feira, 26, e domingo, 29 (Foto: Portal Infonet)

A abertura da terceira edição da Feira da Indústria e Inovação Tecnológica (Fitec) nesta quarta-feira, 25, foi marcada pelo lançamento do Plano de Desenvolvimento Industrial (PDI) do Estado para os próximo quatro anos. Sergipe é o único estado do Nordeste e o terceiro de todo o país a elaborar o plano. O documento é resultado de uma parceria entre o Poder Público e a iniciativa privada e contém um conjunto de preposições para o desenvolvimento da indústria sergipana.

Na abertura do evento o vice-governador Jackson Barreto destacou que essa articulação entre os setores público e privado é essencial para o desenvolvimento industrial do Estado. “O PDI mostra a vontade do governo em inserir Sergipe nesse bom momento de desenvolvimento que o país atravessa. A indústria sergipana acontece na parceria”, disse.

Ele emendou lembrando que nos últimos quatro anos 100 novos empreendimentos começaram a produzir em terras sergipanas. Os próximos anos, segundo Barreto, serão marcados pela “competitividade, aumento da qualidade e ampliação do mercado”.

Vice-governador Jackson Barreto ressaltou parceria para o setor industriaal

O diretor da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Clayton Campanhola, também ressaltou o lançamento do PDI destacando o desenvolvimento da indústria sergipana. “Sergipe é um estado onde a indústria de petróleo e de energia tem um papel importante, pois é responsável por 30% do PIB [Produto Interno Bruto]. Isso mostra que essa indústria tem sido a base de desenvolvimento do Estado”, explicou.

Fitec

O diretor da Êxito Eventos, empresa realizadora da Fitec, Alexandre Porto, elogiou as diretrizes do documento acrescentando que a indústria sergipana é um grande segmento gerador de empregos e de grande importância social, principalmente para o interior do Estado. Ele disse, ainda, que a Fitec se consolidou como uma vitrine dos produtos produzidos em Seripe. “É um evento que traz grandes oportunidades de negócios aos participantes e constitui-se em um instrumento para o desenvolvimento da ciência, da tecnologia e da inovação”, comemorou.

A terceira edição da Fitec espera um público de 10 mil pessoas a partir desta quinta-feira, 26, até domingo, 29, no Centro de Convenções de Sergipe. Considerado o maior evento do setor industrial sergipano, a expectativa é de movimentar R$ 180 milhões em negociações entre os 60 expositores.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais