Apoio do governo às micro e pequenas empresas é destaque em palestra de dirigente

0

O evento foi promovido pela Acese (Foto: Vieira Neto)

Com o objetivo de esclarecer ao empresariado sergipano a atual situação das micro e pequenas empresas em todo o país, a Associação Comercial e Empresarial de Sergipe (Acese), realizou uma palestra com o gerente de políticas públicas do Sebrae nacional, Bruno Quick. Com o tema ‘As Mudanças do Super Simples – Avanços e Desafios da Lei Geral de MPEs’, o evento aconteceu durante o almoço promovido mensalmente pela associação. E entre os diversos temas abordados, destaque para o importante papel do Governo de Sergipe no desenvolvimento das MPEs, que atualmente respondem por 45% das compras governamentais.

“Sergipe é o melhor estado do país nesse dado. E nós, do Sebrae, nos dispomos a apoiar, inclusive financeiramente, no sentido de que essa experiência seja levada a todo o Brasil”, incentivou Bruno Quick, ao elogiar a política do governo estadual de privilegiar nas suas compras as MPEs. “Se a micro empresa emprega 75% da mão de obra brasileira, nada mais justo do que ela ser cada vez mais incentivada”, avaliou.

Dentre os demais assuntos explanados pelo dirigente do Sebrae também foram ressaltados a taxa de empreendedorismo no país, que atualmente atinge 17,5% da população entre 18 e 64 anos; o número total de micro empresa e empresas de pequeno porte que aderiram ao Simples Nacional, que já atinge 5,5 milhões de empreendedores; a crescente formalização através do Empreendedor Individual, que somam 1,6 milhão no país e 11.516 em Sergipe; implantação do REDESIM; a relevância das MPEs na geração de emprego, distribuição de renda, crescimento da massa salarial e promoção do consumo interno, além das discussões para a aprovação da PLC 77/11, que trata da atualização da legislação e atendimento de novas demandas das MPEs.

“Em eventos como esse é que podemos sentir, diretamente, os anseios do empresariado. E, com isso, definirmos ações que visem unir essas necessidades com as da população em geral. Isso é atuar no serviço público de forma a garantir que a sociedade como um todo avance”, destacou o secretário Zeca da Silva, do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec).

Outro posicionamento defendido pelo palestrante foi a união das classes política e empresarial no sentido de lutar pelas mudanças e evoluções necessárias para essa área de atuação. “Não adianta dizer que é pequeno. Isso não é ruim. O que não pode é ficar sozinho”, conclamou Bruno Quick.

Já o secretário Zeca da Silva se comprometeu a levar os pleitos da categoria até o governador Marcelo Déda. “Temos que ser práticos. E por isso já adianto que o presidente da Acese, Alexandre Porto, e superintendente do Sebrae em Sergipe, Lauro Vasconcelos, estão convidados para uma reunião nesta segunda-feira, 3, de onde definiremos uma pauta que eu levarei até o governador”, garantiu Zeca, ressaltando que tão importante segmento merece toda a atenção governamental. “Quem mais gera emprego nesse país merece todo o nosso apoio. E os micro e pequenos empresário têm um parceiro na Sedetec, disso podem ter certeza”, finalizou Zeca da Silva.

Também estiveram presentes no almoço-palestra da Acese os deputados federais Laércio Passos e Valadares Filho, além do senador Antônio Carlos Valadares, todos parlamentares que se comprometeram a apoiar a causa das Micro e Pequenas Empresas sergipanas.

Fonte: Ascom SEDETEC

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais