Aracaju inicia o ano entre as cinco cestas básicas mais caras

0

Aracaju iniciou o ano entre as cinco cidades do país com o preço da cesta básica mais alto. Com um acréscimo de 3,73% em janeiro, os gêneros alimentícios essenciais na capital sergipana só não foram maior que em cidades como Vitória, João Pessoa e Recife. Esta informação é do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese)

Das 16 capitais pesquisadas pelo Dieese, apenas duas tiveram deflação: Fortaleza (-3,57%) e Natal (-2,14%).

No mês que passou o valor da cesta básica em Aracaju custou 142,74, o que representa 44,16% do salário-mínimo de R$350. Para conseguir o valor da cesta básica um trabalhador em Aracaju teve que disponibilizar 89h e 30 minutos de sua força de trabalho.

Comentários