Armarinhos registram queda nas vendas para o Carnaval

0
Alguns locais não investiram muito no estoque (Fotos: Verão Infonet)

Os armarinhos localizados no Centro da capital sergipana registram queda nas vendas para o Carnaval. Faltando uma semana para os festejos, o movimento de consumidores ainda está abaixo do esperado, segundo contam os comerciantes. Eles lamentam a situação e comentam que a crise pela qual o estado e os municípios passam, além da alta dos custos com os produtos, são os motivos prováveis.

“Ano passado, nessa mesma época, havia um fluxo maior de pessoas. Mas em 2015 reduzimos o estoque”, afirma o gerente Aldo Silva. Ele acrescenta que os consumidores estão em busca de produtos mais baratos, só para não deixar a data passar em branco.

Apesar do momento de crise, alguns lojistas estão esperançosos com relação ao aumento das vendas nos dias mais próximos do Carnaval. Esse é o caso do gerente Jorge Diniz. Ele conta que o armarinho onde trabalha investiu muito na compra de produtos como serpentina, espuma, confete e máscaras. “Temos que acelerar as vendas. Carnaval é tradição e essa chama não pode se apagar”, ressalta.

Jorge está esperançoso

Em outro estabelecimento, não houve maior investimento na ampliação do estoque. Sobre a procura pelos adereços da folia de momo, a gerente Denise Rezende conta que os clientes estão começando a aparecer a partir desta semana. “O povo geralmente deixa para última hora, mas a expectativa é que não haja muito crescimento”, finaliza.

Por Monique Garcez

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais