Atividades da Fafen continuam paralisadas

0

Movimento paredista ocorre desde o último dia 29 de agosto (Foto: CSP Conlutas)

Os trabalhadores terceirizados da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen) continuam paralisados em frente à unidade. A categoria vem reivindicando melhorias salariais e de trabalho desde o último dia 29 de agosto.

De acordo com um dos representantes dos trabalhadores, no momento está ocorrendo uma reunião entre os dirigentes da Petrobras e as empresas terceirizadas. O Portal Infonet entrou em contato com a empresa petrolífera, mas a organização ainda não confirmou a realização do encontro.

Os trabalhadores reivindicam pagamento de aviso prévio, 220 horas prêmio (atualmente são pagas 140), pagamento de 100% de horas extras, vale alimentação de R$ 600 (hoje esse valor é de R$ 300) e R$ 1,5 mil de participação nos lucros.

A Petrobras já havia informado, por meio de nota, que  está em dia com suas obrigações contratuais e legais, e que a manifestação é de empregados terceirizados cujas relações trabalhistas são de responsabilidade das empresas contratadas.

Por Jéssica França

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais