Aumento da passagem interestadual assusta consumidores

0

Passageira adquirindo passagens (Foto: Portal Infonet)

Tisiane na fila para comprar a passagem

Novo preço da tarifa

Fiscais sergipanos não haviam sido informados sobre o aumento

Na manhã desta quarta-feira, 1º, quem foi aos guichês para comprar passagem interestadual, teve uma surpresa: os preços dos ingressos aumentaram 9,042%. O reajuste da passagem foi imposto pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Já a tarifa de embarque também foi reajustada pela Socicam.

Viajando uma vez por mês, a militar Tisiane Bezerra disse que o peso do aumento será sentido. “O reajuste acaba prejudicando o consumidor, mesmo que seja pequeno”, afirma. A passagem para Maceió, que ela comprava a R$ 90,90, agora custa R$ 99.

Já o aposentado Luís Lima, 64, reclamou por só ser informado sobre o reajuste na hora da compra. “Esse aumento é abusivo e uma falta de respeito. Só soube agora quando fui comprar”, desabafa.

Tarifa de Embarque

Além do aumento na passagem, os passageiros, a partir de hoje, irão pagar a mais pela tarifa de embarque, que subiu de R$ 4,90 para R$ 5,35. O reajuste, também de 9,042%, foi estabelecido pela empresa responsável pelos transportes, a Socicam.

De acordo com a supervisora administrativa da Socicam, Elizabete Gomes, o reajuste na tarifa de embarque segue a ANTT. "Quando a ANTT aumenta os preços das passagens, automaticamente aumentamos a de embarque também", informa.

ANTT

No posto de Fiscalização da ANTT, no Terminal Rodoviário Gov. José Rollemberg Leite, nenhum dos fiscais estava sabendo oficialmente da mudança nos preços.

O gerente executivo da agência, em Brasília, Edson Quadros, alegou que o reajuste é anual e não há necessidade de informar a todos os postos. “A decisão administrativa ocorre todo ano e já saiu no Diário Oficial. Por isso, não é necessário informar a todas as agências”, explica.

Ainda de acordo com o gerente da ANTT, o reajuste recompõe o poder aquisitivo da moeda em razão de variações inflacionárias que trazem impactos aos custos da prestação do serviço.

Por Jéssica França

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais