Banese apresenta crescimento de 20% no último semestre

0

O presidente Fernando Matos apresentou dados atuais sobre o Banco do Estado de Sergipe (Foto: Carluz Lima)

Banese conta com máquinas de autoatendimento que faz dépositos em dinheiro de forma imediata. (Imagem: Reprodução / Banese)

O presidente do Banese (Banco do Estado de Sergipe), Fernando Mota, apresentou na manhã desta quarta-feira dados de crescimento obtidos pelo banco neste primeiro semestre de 2017 além de algumas novidades que vêm por aí.

O presidente disse que o banco conta hoje com mais de 557 mil clientes pessoa física, 33 mil pessoa jurídica e 38 mil lojistas credenciados em todo o país ativos. “O banco hoje detém 47% dos depósitos realizados em Sergipe”, diz.

De acordo com Fernando, o Banese fechou os primeiros seis meses com uma rentabilidade de 20% em relação aos últimos 12 meses. O período fechou ainda com um total de 1.058 funcionários, 165 estagiários e 41 jovens aprendizes.

Nesses seis meses, o Banese obteve um lucro de R$ 36 milhões. As ações dos acionistas do Banese também apresentaram um aumento. Em 2016 girava em torno de R$ 9,70 enquanto que atualmente gira em torno de R$ 31,99.

Fernando ainda falou sobre os investimentos realizados na área de tecnologia. “O banco hoje está investindo fortemente, tanto é que hoje você pode utilizar o seu celular pra fazer inúmeras operações sem ter a necessidade de comparecer fisicamente a agência do banco”. Atualmente, 40% dos cliente são digitais, sendo que 80% das transações realizadas são feitas autoatendimento e desse total, 61% são feitas via internet banking ou aplicativo móvel.

Banese Card

O Banese Card deverá receber novidades nos próximos meses. O presidente disse que o banco está fechando parcerias com as bandeiras Visa e Master Card e que, até dezembro os clientes poderão optar por obter cartões com estas bandeira. “Isso vai dar mais condições aos seus portadores ao utilizar o cartão, inclusive, em outras praças”, defendeu. Com a novidade, os clientes poderão utilizar seu cartão em mais de 150 países para compras e saques.

Museu da gente sergipana

Mantido pelo banco, o Museu da Gente Sergipana apresenta exposições permanentes e temporárias. Após esse primeiro semestre, o museu fecha com mais de 460 mil visitações desde sua inauguração. São visitantes de cidades sergipanas, outros estados brasileiros e cerca de 55 países.

Além disso, o Instituto Banese tem apoiado 14 entidades nas áreas de Educação, Esportes, Meio Ambiente, Ciências e Tecnologia. São 18 mil pessoas atendidas e R$ 2,2 milhões investidos neste primeiro semestre.

Por Carluz Lima e Raquel Almeida

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais