Banese e PF assinam acordo de cooperação

0

Banesevai compartilhar informações com a Polícia Federal (Foto: Lúcio teles)
O Banco do Estado de Sergipe (Banese) assinou acordo de cooperação com o Departamento de Polícia Federal, para compartilhar informações e combater a prática de ilícitos criminais, especialmente no que se refere às fraudes bancárias eletrônicas. O acordo foi assinado através da adesão do Banese ao protoloco de execução ‘Fraude Bancária Eletrônica’, celebrado entre a Polícia Federal e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

Segundo o gerente da Área de Segurança da Informação do Banese, Aléssio Rezende, o acordo tem entre as suas finalidades proporcionar uma base de dados consolidados à PF acerca de fraudes bancárias eletrônicas em contas de depósitos mantidas nas instituições financeiras aderentes.

Aléssio Rezende, gerente da Área de Segurança (Foto: Luis Mendonça)
“A partir deste acordo o Banese fornecerá informações à Polícia Federal sobre clonagem de cartões magnéticos e fraudes no Internet Banking, as quais passarão a fazer parte da Base Nacional de Fraudes Bancárias Eletrônicas. As informações serão compartilhadas eletronicamente e permitirão à Unidade de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Federal cruzar os dados fornecidos pelos maiores bancos do país e identificar quadrilhas que se especializaram nesta modalidade de crime”, explicou Aléssio.

Para o presidente do Banese, Saumíneo Nascimento, a adesão do Banco do Estado a este sistema coloca a instituição entre o que há de melhor em inteligência no combate a esse tipo de crime no país. “A iniciativa visa a segurança da instituição e da sociedade em geral. Esta é mais uma ação proativa do Banese, para oferecer aos nossos clientes a melhor segurança possível”, ressaltou.

Fonte: Ascom/Banese

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais