Banese investe mais de R$ 68 milhões em operações de microcrédito

0

(Microcredito Carira-Asscont)
O Banco do Estado de Sergipe (Banese) realizou, nos últimos quatro anos, 45.889 operações de microcrédito, no valor total de R$ 68.367.700. De acordo com o gerente da área de Microcrédito do Banese, Ednilson Nunes Góis, os microempréstimos concedidos pelo banco entre 2007 e 2010 beneficiaram a milhares de pessoas em todo o Estado, numa média de R$ 1.490 por operação.

Segundo o gerente Ednilson Nunes Góis, o Microcrédito Banese é um programa criado como alternativa de financiamento para empreendedores de micro e pequenos negócios que estão fora do mercado formal de crédito por não terem condições de atender às exigências bancárias.

“O diferencial do Microcrédito Banese é que ele não se resume a uma simples concessão de crédito. Trata-se de um crédito orientado e acompanhado, que é operacionalizado dentro de uma lógica de políticas públicas que tem por objetivo principal a inserção social do cidadão”, disse o gerente.

De acordo com o diretor de Crédito de Desenvolvimento do Banco do Estado, Edson Caetano, o programa de microcrédito do Banese, apesar de envolver valores pequenos, tem sido de grande importância para a economia sergipana porque beneficia especialmente a pessoas que trabalham na informalidade. “Esses financiamentos servem para que as pessoas tenham a sua ocupação, gerem renda e posteriormente venham a sair da informalidade”, disse o diretor.

Já o presidente do Banese, Saumíneo Nascimento, destacou que os números apresentados pela Carteira de Microcrédito do banco nos últimos quatro anos mostram que o Governo, através do Banco do Estado, chegou a milhares de pequenos empreendedores nos mais diversos municípios sergipanos, levando crédito para eles tocarem os seus negócios.

Fonte: Ascom/Banese

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais