Cai o pagamento de royalties do petróleo em Sergipe

0
(Foto: Arquivo Portal Infonet)

Análise realizada pelo Boletim Sergipe Econômico, parceria do Núcleo de Informações Econômicas (NIE) da Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES) e do Departamento de Economia da UFS, com base nos dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), indicou que o pagamento de royalties do petróleo e gás natural, para o estado, no terceiro mês de 2016 foi de R$ 4,8 milhões, retraindo-se 23% sobre o mesmo mês do ano passado. Em comparação com os royalties recebidos em fevereiro esse montante foi 14,4% menor.

Foram pagos R$ 16,2 milhões em royalties, para Sergipe, no primeiro trimestre do ano, significando uma redução de 36% quando comparado com o primeiro trimestre de 2015. Essa redução do pagamento dos royalties, segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) foi de 25% em 2015, no Brasil. O encolhimento da receita é fruto da desvalorização dos preços do barril, e não da queda de produção no país. Por isso, regiões produtoras, solicitam revisão dos cálculos para royalties e participações especiais.

Royalties dos Municípios
O município que mais recebeu royalties, no mês analisado, foi Japaratuba com mais de R$ 925 mil, seguido por Carmópolis e Aracaju que receberam repasses acima de R$ 910 mil cada, no mês de março de 2016. Outro destaque, no mês em análise, foi o município de Itaporanga D’Ajuda, que recebeu mais de R$ 739 mil.

Fonte: Ascom Unicom/FIES

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais