Caravanas Sociais da Petrobras chegam a Aracaju

0

Interessados no Programa estão sendo capacitados
As chamadas Caravanas Sociais desenvolvidas pela Petrobras em todas as capitais brasileiras, chegou nesta quinta-feira, 8 a Aracaju. As oficinas presenciais acontecem durante todo o dia no Hotel Parque dos Coqueiros com a finalidade de divulgar o Programa Desenvolvimento & Cidadania Petrobras e capacitar os interessados na elaboração de projetos voltados para as comunidades por meio de entidades sem fins lucrativos a exemplo de associações e fundações.

Segundo a Gestora Social da Petrobras no Rio de Janeiro, a sergipana de Simão Dias, Iva Valadares, algumas associações possuem as ações, mas enfrentam algumas dificuldades no momento de elaborar os projetos para a seleção pública. “Com a realização das caravanas nas capitais desde 2007, estamos obtendo um resultado muito mais amplo e eficaz”, enfatiza acrescentando que os participantes das

Iva Valadares: “Resultado amplo e eficaz com a realização das Caravanas”
oficinas saem qualificados para o desenvolvimento dos projetos e ainda se transformam em multiplicadores.

Iva Valadares lembrou que além das caravanas presenciais, a Petrobras está realizando desde o último dia 31 de março, o atendimento on line às instituições interessadas em inscrever projetos sociais na seleção pública do projeto Desenvolvimento & Cidadania. O acesso deve ser feito pelo site do programa

“Até o dia 21 de maio, das 9h às 21h, a equipe técnica do programa ficará a disposição para prestar esclarecimentos às instituições interessadas, além da divulgação das datas e locais das oficinas.

Seleção Pública

A Seleção Pública de Projetos é uma iniciativa estratégica do Programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania, que visa democratizar o acesso de organizações sociais de todo o país aos recursos da companhia. Em 2010, serão destinados R$ 110 milhões por um período de dois anos a projetos que contribuam para a redução da pobreza e das desigualdades sociais nas comunidades mais excluídas do país.

As inscrições foram abertas desde 24 de março e prosseguem até 21 de maio de 2010. E é justamente durante o período de inscrições que as Caravanas Sociais são realizadas. Cada projeto deverá ter vigência de 24 meses, sendo o limite de solicitação de recursos de R$ 1 milhão 450 mil.

Participantes

Podem se inscrever organismos governamentais, não governamentais e comunitários, constituídos sob as leis brasileiras, sem finalidades lucrativas e com atuação no terceiro setor, a exemplo de associações, fundações, entre outras. Os projetos inscritos devem contemplar ações diretas que se relacionem a atividades de implantação, implementação, expansão, aperfeiçoamento ou replicação do projeto.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais