Consumidor está mais confiante, aponta levantamento do FGV

0

Consumidor está mais confiante, diz FGV (Foto: Arquivo Infonet)
Os números referentes a agosto do Índice de Confiança do Consumidor (ICC) da Fundação Getulio Vargas (FGV), divulgados na última terça-feira, 24, retratam a satisfação dos consumidores brasileiros com o momento atual e uma perspectiva otimista para os próximos meses. De julho para agosto, o ICC subiu 0,7%, passando de 120 para 120,8 pontos. O índice é composto por cinco quesitos contidos na Sondagem de Expectativas do Consumidor, elaborada pelo Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), da FGV.

Dentre esses quesitos, o indicador de ímpeto para compras de bens duráveis foi o que mais influenciou na evolução favorável do ICC em agosto. A parcela de consumidores que projeta compras maiores nos próximos seis meses subiu de 14% para 16,6%, enquanto a dos que preveem compras menores caiu de 27,9% para 27,1%.

Outro quesito com resultado positivo é o que mede a satisfação com as finanças pessoais. A elevação foi de 1,3% na comparação com os dados de julho. Segundo a FGV, isto revela que a proporção de consumidores que avalia a situação financeira da família no momento como boa aumentou de 24,1% para 25,8% do total. Já a dos que consideram a situação ruim passou de 11,1% para 11,3%.

A Sondagem de Expectativas do Consumidor é realizada em sete das principais capitais brasileiras, com base numa amostra de mais de 2 mil domicílios. Para a edição deste mês, os dados foram coletados entre os dias 30 de julho e 19 de agosto.

Fonte: Agência Brasil

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais