Convênio tenta garantir mais segurança a lojistas

0
Segundo convênio, lojistas precisam aderir à aplicativo de segurança (Foto: Ascom/CDL)

Um termo de cooperação assinado na manhã desta quinta, 15, entre a Secretaria da segurança Pública (SSP) e a Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju e seus associados, vai permitir uma sensação de maior segurança para os lojistas da capital e agilização no combate ao roubo e assaltos.

Pelo convênio, os lojistas que aderirem ao aplicativo de segurança terão acesso aos registros de ocorrências de roubos e furtos, comunicação imediata com o CIOSP, telefone celular cadastrado junto à SSP para acionamento imediato, além de instalação de câmeras de vigilâncias no estabelecimento comercial.

“Esse sistema solicitado pela CDL e de pronto atendido pela SSP, vai agilizar nossa comunicação com a policia e ajudar no combate diário aos roubos e furtos em nossos estabelecimentos”, crê Brenno Barreto.

Mesma opinião teve o secretário de Segurança, João Batista, para quem “a SSP não pode fazer segurança sozinha, e esta parceria com a CDL, que é uma entidade séria e respeitada, vai ajudar muito para enfrentarmos a violência que é cometida contra lojistas e clientes do comércio”, pontuou.

Para aderir ao programa de segurança por meio do convênio SSP/CDL, o lojista ou associado da CDL deve procurar pela entidade na rua Santa Luzia 571, bairro São José, Aracaju, ou pelo telefone 3212-7720.

O ato foi realizado em frente à sede da Deotap (Departamento de Combate aos Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública), com as presenças de Brenno Barreto, presidente da CDL, João Batista, secretário de Segurança Pública, Alessandro Vieira, delegado geral da Polícia Civil, delegada Daniele Garcia e outros integrantes das entidades envolvidas.

Fonte: Ascom/CDL

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais