Coronavírus: médico ganha na loteria e Caixa não paga prêmio

0
Ganhador de bolão não consegue sacar prêmio na Caixa (Foto Ilustrativa: Agência Brasil)

A Caixa Economia Federal suspendeu os serviços que não são classificados como essenciais, decorrente da pandemia declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) no enfrentamento da infecção pelo coronavírus, a COVID-19, que já matou milhares de pessoas no mundo. Entre esses serviços, também foi incluída a suspensão do pagamento de prêmios lotéricos. Pelo menos foi essa a explicação que um médico, vencedor de um bolão promovido por uma Casa Lotérica do Bairro Jardins, no dia 21 do mês passado. Conforme explicou para o Portal Infonet, ele e os outros dez ganhadores teriam que receber algo em torno de R$ 10 mil pelo prêmio, mas o dinheiro ainda não foi liberado.

Segundo o médico, um dos ganhadores que foi à agência da Caixa Econômica Federal no dia 23 conseguiu sacar o prémio, mas ele que foi no dia seguinte, 24, não teve a mesma sorte. “Nem me deixaram entrar na agência”, informa. “Disseram que o serviço não era essencial”, informou.

O médico retornou para casa e continua tentando informações sobre a liberação do prêmio e a única informação que obteve através de um contato telefônico é que o pagamento do prêmio continua suspenso. E o resgate só pode ser feito até, no máximo, 90 dias, com a hipótese de ficar impossibilitado de fazer o saque após esse prazo. “Se eles estão suspendendo o pagamento do prêmio, porque também não suspendem os jogos?”, questiona.

O Portal Infonet tentou ouvir a Caixa Econômica Federal. A assessoria de imprensa se comprometeu a enviar informações ainda nesta sexta-feira, 3, mas ainda não se manifestou. O Portal Infonet permanece à disposição. Informações podem ser enviadas por e-mail jornalismo@infonet.com.br.

 

por Cassia Santana

 

Comentários