Crédito imobiliário aquece setor de construção civil

0

“A previsão de aumento do crédito imobiliário para 2010, é uma excelente notícia para a economia e para a indústria como um todo”, diz o empresário Eduardo Prado de Oliveira, presidente da Federação das Indústrias do Estado, para quem o aquecimento do setor de construção civil alavanca toda uma cadeia, aquecendo o mercado.

Com efeito, a previsão do crédito imobiliário, estimada inicialmente em R$50 bilhões, foi atropelada pelos resultados de liberações até a primeira quinzena abril que já somam R$17 bilhões. Um recorde para o período, já que em 2009 as liberações chegaram a R$47 bilhões.

Para o empresário o lançamento de programas que pretendem diminuir o déficit habitacional tem contribuído para essa expectativa que ajuda o país a manter-se num favorável  patamar econômico, sendo “ainda mais positivo o fato de grande parte desses imóveis estarem sendo 
adquiridos por clientes de baixa e média renda.” Segundo Eduardo, na seqüência da aquisição do imóvel as famílias buscam mobiliar o mesmo, sendo essa uma segunda etapa também interessante para a indústria.

Fonte: Fies

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais