Crescimento do PIB de SE foi o 2° maior do NE

0

Em 2007 o Produto Interno Bruto (PIB) do Estado de Sergipe cresceu 6,2%. Esse percentual é maior do que o do Brasil, que apresentou crescimento de 6,1%, e o segundo maior do Nordeste, perdendo apenas para o Maranhão. Os setores que mais contribuíram para esse crescimento foram: a Agropecuária, a Indústria e o Setor de Serviços.

Segundo o economista e superintendente de Estudos e Pesquisas da Secretaria de Planejamento do Estado, Marcos Castaneda, “são dados importantes para o acompanhamento do crescimento do Estado, pois identificam o comportamento das atividades geradoras de emprego e renda”. Os números foram apresentados na manhã desta quarta-feira, 18, no auditório da Pronese.

Marcos Castaneda, superintendente de Estudos e Pesquisas da Seplan
No total de 2007, o PIB representou R$ 16,9 bilhões. Dividindo esse valor pelo total de habitantes do Estado, chega-se a um PIB per capita de mais de R$ 8 mil, o maior do Nordeste. “Esse dado representa o quanto cada sergipano tem capacidade de produzir”, explica o economista.

Ainda segundo Castaneda, o fato de Sergipe apresentar um crescimento do PIB superior ao do Brasil demonstra que “o Estado é promissor e possui grande atratividade para novos investimentos”.

Boa Expectativa

Os dados referentes a 2007 foram apresentados com uma pequena defasagem de dois anos, porque segundo Marcos, a 

Apresentação dos dados aconteceu no auditório da Pronese
base de dados para cálculo do PIB, que inclui números da Indústria, Comércio, Serviços e Agropecuária, só foram divulgados em 2008 e trabalhados agora em 2009. “Esse números são trabalhados a partir de uma metodologia internacional que exige uma rigidez muito grande no tratamento dos dados”, ressalta.  

Para 2008, a estimativa é de crescimento de 5,5% do PIB. O valor referente à expectativa para 2009 ainda não foi concluído, mas segundo o economista a expectativa é que supere o crescimento do país, estimado pelo Banco Central em 0,8%.

Por Carla Sousa

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais