Criação de emprego tem saldo positivo em Sergipe

0

Sergipe criou mais de 3 mil empregos nos primeiros dois meses de 2011 (Foto: Maurício Alexandre/Agência Brasil)
Nos dois primeiros meses de 2011, foram criados 3.182 novos empregos em Sergipe. Ao confrontar os dados do primeiro bimestre de 2011 com os dados do mesmo período do ano anterior, verifica-se que o estado apresentou crescimento de 1,22%, no número de novos empregos. Já ao confrontar os dados de fevereiro de 2011, com os do mesmo mês de 2010, verifica-se apesar de ter gerado um número significativo de novos empregos, gerou menos empregos, 1.294 contra 1.886 vagas. Em relação a dezembro de 2010, ocorreu leve alta de 0,49%.

A construção civil foi o setor responsável pelo maior saldo positivo do mês passado, com a criação de 609 empregos formais, seguido pelo setor de serviços (534 vagas) e indústria de transformação (287 vagas). Sobre fevereiro de 2010 a construção civil cresceu 19,41%, o setor de serviços retraiu-se em 45,57% e a indústria de transformação registrou baixa de 28,43%.

Setor da construção civil foi o setor com maior saldo positivo (Foto: Arquivo Infonet)
Entre os municípios sergipanos, merecem destaque a capital sergipana, que apresentou saldo positivo de 566 vagas, seguido por São Cristóvão (com 321 vagas), Simão Dias (194) e Itabaiana (123).

Brasil bate recorde

O emprego formal (com carteira assinada) no Brasil bateu recorde com a criação de 280.799 vagas criadas em fevereiro de 2011, apresentando mais um recorde histórico para meses de fevereiro. O resultado foi 34,08% maior que o registrado no mesmo período de 2010, onde foram criadas 209.425 novas vagas. Os setores que mais contribuíram para o resultado positivo do mês passado foram serviços com 134.342 vagas, indústria de transformação (60.098) e construção civil (30.701). O comércio gerou 17.394 postos de trabalho.

Os preparativos para o carnaval no mês de fevereiro impulsionou o saldo positivo do mês. O número de empregos formais criados no primeiro bimestre do ano foi de 448.742 postos de trabalho.

Fonte: Fies

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais