Crise no setor têxtil será discutida na Sedetec

0

Representantes do Sinditêxtil buscam solução para crise no setor (Fotos: Arquivo Portal Infonet)
As demissões no setor têxtil continuam crescendo a passos largos no Estado de Sergipe. O presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Têxtil de Sergipe (Sinditêxtil), Giseldo Santos informou que somente nos primeiros 45 dias de 2011, cerca de 400 trabalhadores foram demitidos. O problema será discutido nesta terça-feira, 15, com o secretário de Estado da Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia (Sedetec), Zeca da Silva.

“A situação está cada vez mais difícil. Tem fábricas que já reduziram os salários dos funcionários e outras estão reduzindo a jornada de trabalho em uma hora para não ter que demitir”, ressalta Giseldo Santos.

Giseldo Santos: “Cerca de 400 demissões só este ano”
Ele acredita que um dos agravantes para o problema é a crise do algodão. “Para se ter uma idéia, houve aumento de mais de 60% no algodão, no período de junho do ano passado até os dias atuais. Isso  sem contar que o algodão brasileiro, você compra agora para receber em março e para trazer o produto de outros países é mais caro ainda”, destaca o sindicalista acrescentando que a expectativa é de que possam encontrar uma solução para crise no setor têxtil, o mais rápido possível.

A reunião com o secretário Zeca da Silva está marcada para às 8h desta terça-feira, 15 na Sedetec.

Por Aldaci de Souza


 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais