Donos de lotéricas reclamam de prejuízo com a paralisação no atendimento

0

Fechamento das lotéricas termina em prejuízos (Foto: Arquivo Portal Infonet)
Faltando dois dias para o fim das apostas da Mega Sena da Virada, muitos donos de lotéricas estão revoltados com muitos equipamentos que ficaram sem funcionamento. O Portal Infonet chegou a noticiar que na capital sergipana muitas casas tiveram uma pane após incêndio na Central Telefônica da Prestadora de Telefonia Oi em Salvador, ocorrido no dia 21 deste mês. O gerente regional de Canais da Caixa, César Augusto Siqueira, explicou que os problemas apresentados decorrentes do incêndio foram registrados somente nos dias 21 e 22 e que desconhece que alguma unidade tenha apresentado problemas após essas datas pelo mesmo motivo.

O problema é que algumas lotéricas, principalmente do interior do Estado, apresentaram problemas e pararam de funcionar antes dessa data. O presidente da Associação de Lotéricas de Sergipe, Luiz Marinho, afirma que seu estabelecimento, localizado no município de General Maynard está com as portas fechadas desde o dia 17. Marinho esclarece que não sabe os motivos da falta de funcionamento, mas frisa que técnicos da empresa que presta

O presidente da Associação de Lotéricas de Sergipe, Luiz Marinho (Foto: Portal Infonet)
serviço à Caixa Econômica têm entrado em contato no sentido de solucionar o problema. Outros municípios do interior como Siriri, Malhador e Divina Pastora também foram atingidos, mas após 10 dias o sistema voltou à normalidade.  

Prejuízos

O presidente da associação conta que não dá para calcular o quanto perdeu com o fechamento do comércio, mas ressalta que está sendo um prejuízo incalculável. “O prejuízo foi enorme, vai depender muito do faturamento de cada loja e dos dias paralisados. Algumas lotéricas ficaram um ou mais de 10 dias sem funcionamento. Uma coisa garanto, essa é a época do ano de maior faturamento porque tem as apostas da Mega da Virada, ou seja, é um prejuízo incalculável”, diz Luiz, salientando que o crescimento das apostas é enorme. De acordo com a Caixa Econômica até domingo, 26, foram registrados um volume de R$ 146 milhões em apostas. Apenas na última segunda-feira, 27, foram mais R$ 45 milhões em todo o país.

Portas fechadas

Com o prejuízo, o desânimo de muitos comerciantes preocupa o sindicalista. “Nessa situação não tem um prazo para solucionar o problema, você liga para o 0800 e recebe como resposta que a chamada já foi aberta e que estão sendo feitos esforços para restabelecer. A minha preocupação é que muitos fiquem desanimados com essas perdas e fechem as portas”, lamenta.

Marinho também salienta que a população perde. “O que digo é que quem mais perde é a população, claro que a Caixa e o empresário deixam de receber, mas a população é a mais prejudicada. No dia 17 era o dia de receber o benefício social, mas foi o dia que a minha lotérica deixou de funcionar. Uma passagem de General para Aracaju custa R$ 6, inda e volta fica em R$ 12 e muitos não têm como pagar esse valor para receber seu benefício”, explica.

Caixa Econômica

De acordo com a assessoria de comunicação da Caixa Ecônomica após o problema do retorno da Oi o sistema ficou inoperante e o pedido feito por Marinho não tinha sido registrado na Caixa. Mas a informação é que todo o problema será restabelecido até quinta-feira, 30. Sobre as apostas, segundo a assessoria não existe nenhum prejuízo no caso da Mega da Virada.

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais