Em março, Sergipe apresentou avanço de 8,8% no volume de serviços

Em março, o índice registrado em Sergipe ficou acima da média nacional, que foi de 1,7%. (Foto: Pixabay)

Em março de 2022, o setor de serviços em Sergipe avançou 8,8%, obtendo o maior índice da região Nordeste e o segundo maior do país (atrás de Brasília, com 10,3%). Em fevereiro, o estado tinha apresentado um recuo nos serviços de 0,9%.

Em março, o índice registrado em Sergipe ficou acima da média nacional, que foi de 1,7%. Na comparação com março de 2021, Sergipe também obteve um dado positivo, com aumento de 16,2%. Isso ocorreu também na receita nominal, com um avanço de 10,8%. Em relação ao mesmo período do ano passado, o aumento na receita nominal foi de 27,1%.

Serviços avançam em 24 das 27 unidades da Federação em março

Regionalmente, 24 das 27 unidades da Federação tiveram expansão no volume de serviços em março de 2022, na comparação com o mês imediatamente anterior, acompanhando o crescimento (1,7%) observado no Brasil. Entre os locais que apontaram taxas positivas nesse mês, o impacto mais importante veio de São Paulo (2,7%), seguido por Minas Gerais (6,4%) Distrito Federal (10,3%), Santa Catarina (4,2%), Rio Grande do Sul (2,6%) e Rio de Janeiro (0,8%). Em contrapartida, Mato Grosso (-3,0%) exerceu a principal influência negativa em termos regionais.

Na comparação com março de 2021, o avanço do volume de serviços no Brasil (11,4%) foi acompanhado por 25 das 27 unidades da Federação. A principal contribuição positiva ficou com São Paulo (13,0%), seguido por Minas Gerais (15,7%) e Rio Grande do Sul (22,4%). Em sentido oposto, Mato Grosso do Sul (-1,9%) e Rondônia (-6,0%) assinalaram os únicos resultados negativos do mês.

Fonte: IBGE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais