Empresa Proquigel assume nesta terça-feira Fafen/SE por 10 anos

0
Fafen está hibernada desde o início de 2019 (Foto: Arthuro Paganini/ASN)

A empresa Proquigel Química SA, que arrendou as Fábricas de Fertilizantes Nitrogenados de Sergipe e da Bahia (Fafen) por 10 anos, toma posse das novas instalações nesta terça-feira, em solenidade que será realizada por videoconferência. Pertencente ao grupo Unigel e com atividades em estados vizinhos, a Proquigel vai desembolsar durante a transação cerca de R$ 177 milhões para ter controle sobre as Fafens por uma década, podendo ser prorrogado por igual período. O arrendamento inclui, além das fábricas, os terminais marítimos de amônia e ureia do Porto de Aratu, na Bahia. O plano, segundo a empresa, é que a operação seja iniciada no começo de 2021.

Produtora de amônia, ureia fertilizante, ureia pecuária, ureia industrial, ácido nítrico, hidrogênio e gás carbônico, a Fafen de Sergipe, situada no município de Laranjeiras, está hibernada desde o início de 2019. De acordo com o Governo de Sergipe, a capacidade de produção da fábrica já chegou a ser de 300 mil toneladas de sulfato de amônio por ano, com exportação para todo o mundo.

Desde que a Petrobras iniciou a hibernação da empresa, o Governo tentou de diversas maneiras encontrar soluções para não perder a produção e atividade de tamanha proporção no estado, já que a Fafen sempre teve grande importância no desenvolvimento econômico da região do Baixo Cotinguiba.

Segundo o Governo, para estimular a retomada da Fafen, foi autorizada a redução da tarifa de água da Deso em 50%. Além disso, no final de 2019, o Estado regulamentou as figuras do consumidor livre, autoimportador e autoprodutor de gás natural, com o objetivo de adequar a regulação regional à federal e fazer o dever de casa para que a Proquigel viabilize a Fafen. A expectativa é que a nova empresa volte a fornecer postos de trabalhos assim que iniciar sua operação, prevista para março de 2021.

Por Ícaro Novaes
Com informações do Governo

Comentários