Governo confirma liberação do 13º dos servidores dia 16 de dezembro

0
Anúncio foi feito nesta terça-feira, 12 (Foto: Pixabay)

O governador Belivaldo Chagas anunciou nesta terça-feira, 12, a liberação do pagamento do 13º salário dos servidores ativos, aposentados e pensionistas do Estado por meio do Banco do Estado de Sergipe (Banese), em dezembro.

“Vou enviar para a Assembleia Legislativa o Projeto de Lei e, após a votação na Alese, explicaremos a população como deve proceder. Adianto que, a partir do dia 16 de dezembro, o servidor poderá acessar o banco e sacar seu 13º. Detalhes serão dados daqui para frente”, pontuou o governador.

Como nos anos anteriores, os servidores poderão optar pelo pagamento integral, em parcela única, por meio do crédito do Banese. Para tanto, ainda nesta semana, o governo enviará à Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), o Projeto de Lei referente a forma de pagamento do décimo terceiro salário dos servidores.

Quantos aos servidores da Educação, Belivaldo explicou que há a possibilidade destes receberem o pagamento integralmente de forma direta. “Nós temos esperança de não haver frustração na arrecadação de novembro para podermos pagar de uma única vez todos os servidores da Educação”, frisou o governador.

Convocação de agentes prisionais

O governador destacou também a convocação de 50 aprovados no último concurso público para o cargo de provimento efetivo de guarda de segurança do sistema prisional de Sergipe.

“Assumi o compromisso de que convocaria os aprovados do concurso dos agentes e guardas prisionais. Mas precisava ter a últimas notícias sobre o fechamento financeiro do exercício de 2019, para saber o que iria acontecer em relação ao leilão do bloco do Pré-Sal. Neste megaleilão, esperávamos receber, inicialmente, cerca de R$ 420 milhões, esse valor caiu para R$295 e depois para R$146 milhões. A previsão é de que receberemos esses recursos até 27 de dezembro, mas com a diminuição de valores, automaticamente, a gente teve que colocar o pé no freio. Eu repeti o ano todo que precisávamos de recursos extraordinários, na ordem de RS 400 milhões, para que a gente pudesse chegar com boas notícias ao final deste ano. Não houve, infelizmente, esse acontecimento por conta de redução de recursos. A ideia era convocar um número maior, porém como a gente teve essa frustação com o megaleilão do Pré-Sal, vamos convocar, neste primeiro momento, 50 agentes, a partir desta semana, para que a gente possa reforçar a área de segurança”, expôs Belivaldo.

Fonte: ASN

Comentários