IBGE alerta que pesquisas continuam a ser feitas por telefone 

0
A instituição pede que a população atenda o telefone pois o levantamento de dados de modo presencial está suspenso por conta da pandemia do coronavírus (Foto ilustrativa :pixabay)

Por conta da pandemia causada pelo novo coronavírus, o IBGE suspendeu as coletas presenciais das pesquisas estatísticas. Porém, o órgão está realizando o levantamento por telefone. Para obter os dados de pesquisas conjunturais como o IPCA, que calcula a inflação, e a PNAD Contínua, que calcula o desemprego, os técnicos do IBGE estão ligando para os domicílios.

O órgão, contudo, está enfrentando dificuldades em conseguir entrar em contato com alguns entrevistados, pois em muitas ocasiões, as ligações não são atendidas ou os questionários ficam sem resposta. O IBGE precisa, em média, de 15 minutos para conseguir completar o material.

Segundo Rosinadja Santos, supervisora das pesquisas econômicas do IBGE em Sergipe, o objetivo da instituição é manter as atividades com a máxima eficiência de quando ela era feita presencialmente. “Contamos com a colaboração de todos para mantermos os registros estatísticos da forma mais fiel possível, justamente em um momento que precisamos ter ciência do impacto da pandemia em nosso país”. Ela ainda explica que “por isso, nossa equipe manterá contato por email e/ou telefone”.

Para Vinícius Rocha, técnico do IBGE que atua na área de disseminação de dados, “é fundamental que as pessoas atendam os telefones e respondam ao questionário, porque as estatísticas produzidas pelo IBGE ajudam na tomada de decisões dos órgãos públicos assim como na adoção de políticas públicas”.

 

Fonte: Ascom IBGE

Comentários