Indústria têxtil e de confecção fatura US$ 34,6 bilhões em 2007

0

Os argumentos da Santista Têxtil de que fechou a fábrica em Aracaju devido a crise no setor podem ser descartados após o anúncio feito pela Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT) no qual aponta que em 2007, a indústria têxtil e de confecção registrou faturamento de US$ 34,6 bilhões, aproximadamente. Já as exportações e as importações do setor atingiram cerca de US$ 2,4 bilhões e US$ 3 bilhões, respectivamente.

O balanço indica, segundo a ABIT, que alguns fatores influenciaram positivamente o resultado, tais como o aumento do consumo no varejo, o desenvolvimento do Plano Estratégico para o Setor, para os próximos 15 anos, a parceria com a Receita Federal, que tem por objetivo inibir o comércio desleal, e o avanço do Programa Texbrasil pelo mundo.

A indústria brasileira têxtil e de confecção ocupa a sexta posição no ranking mundial do setor. Os investimentos em máquinas, equipamentos, design e pesquisa têm ficado em torno de US$ 1 bilhão/ano. O setor também tem funcionado como uma âncora para a inflação no País, uma vez que, em 13 anos de circulação do Real, a inflação medida pela Fipe foi pouco superior a 15%, contra uma inflação geral de mais de 170%.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais