Ministro do Trabalho chega a Aracaju na sexta

0

No último dia deste mês, a partir das 14h30, o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, dá início à inauguração do Consórcio Social da Juventude de Aracaju e Região Metropolitana. O evento será realizado no Centro Espaço Jovem, na sede da entidade âncora do Consórcio – Sociedade Eunice Weaver de Aracaju (Avenida Simeão Sobral, 1075, bairro Santo Antônio).

 

Logo depois da solenidade, o ministro dará uma coletiva à imprensa, marcada para às 16 horas. Na sede da Fundat, ele assina convênios com a Prefeitura de Aracaju. Pela manhã, a partir das 10h30, no Auditório da DRT, na Rua Itabaianinha, 164, Centro, ele se reúne com lideranças sindicais dos trabalhadores e empregadores e representantes de instituições do setor.

 

CONSÓRCIO – A meta do Consórcio Social da Juventude de Aracaju e região metropolitana é qualificar 1.200 jovens e inserir 450 adolescentes no mercado de trabalho. Os jovens passarão por duas fases de qualificação. Na primeira, serão ministradas aulas de cidadania, com lições sobre valores humanos, meio ambiente, preparação para trabalho, empreendedorismo e inclusão digital. Depois disso, em uma segunda etapa, receberão uma capacitação específica, com o objetivo de serem encaminhados ao mercado de trabalho.

 

Os alunos são subsidiados por quatro meses, recebendo um total de 400 horas/aula, vale-transporte e uma bolsa auxílio no valor de R$ 150. Nesse período, o adolescente prestará uma hora de trabalho voluntário para a entidade na qual está ligado. As oficinas incluídas no projeto são  agente de turismo; arte design com habilitação em silck-screen; auxiliar administrativo; artesanato; bordado; cabeleireiro; camareira; confecção de vestes africanas; confeiteiro; corte e costura; crochê; panificação; vendas e telemarketing; dança afro; doces regionais; eletricista; fitoterapia e alimentação alternativa, entre outras.

 

Em Aracaju, as inscrições foram iniciadas em 27 de maio e encerradas no dia 10 de junho. Os inscritos tiveram de obedecer aos seguintes critérios: estar matriculado ou ter concluído o Ensino Médio ou Fundamental; ter entre 16 a 24 anos, nunca ter trabalhado com carteira assinada e ter uma renda mínima per capta de meio salário mínimo.

Comentários