Número de empresas abertas em Sergipe bate recorde

0

Em 2010 já foram criados mais de 2.500 empreendimentos (Foto: Alejandro Zambrana/Sedetec)
A Junta Comercial de Sergipe (Jucese), órgão vinculado à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia e do Turismo (Sedetec), registrou a abertura de 405 novas empresas no mês de julho. O resultado é o melhor identificado para o período nos últimos 20 anos. Somente nos sete primeiros meses de 2010 já foram criados 2.557 novos empreendimentos.

Entre janeiro de 2007 e julho deste ano a Junta já promoveu a abertura de 14.483 empresas. Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Jorge Santana, os números mais uma vez sinalizam o bom momento da economia sergipana.

“O empresário demonstra confiança na economia do estado. Por outro lado, o Governo tem feito a sua parte, realizando os investimentos necessários para facilitar o processo de abertura de novos empreendimentos, como a inauguração da Central Fácil”, explica.

Central Fácil

Inaugurada no último dia 28 de junho, a Central Fácil busca apoiar, simplificar e racionalizar o registro e a legalização do funcionamento de empresas. No local, diversos órgãos estaduais e municipais, além da Receita Federal, estão reunidos para facilitar a vida de quem precisa abrir uma empresa, fazer alterações nas já abertas e utilizar serviços que hoje estão disponíveis na Junta Comercial do Estado de Sergipe (Jucese) e em outras instituições espalhadas pela cidade.

“A concepção da Central Fácil é oferecer uma central de atendimento ao setor empresarial. A idéia principal é ter todos os órgãos necessários para a abertura de um empreendimento – seja uma micro empresa ou uma grande indústria – reunidos em um só lugar.”, ressalta o presidente da Jucese, Lauro Vasconcelos. Os serviços funcionam em um prédio na rua Siriri,  751, Centro.

Fonte: Ascom/Sedetec

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais