Panificadora da capital vence Campanha do Pão Francês 2019

0
Panificação União ganha disputa que avalia produto mais consumido no café dos sergipanos (Foto: UMC Sebrae)

Pela segunda vez consecutiva a Panificação União, localizada no bairro Luzia, foi a grande vencedora da Campanha do Pão Francês 2019 e conquistou o título de melhor fabricante do produto entre os estabelecimentos sediados em Aracaju, Barra dos Coqueiros, São Cristóvão e Laranjeiras.

Ela venceu outros 114 concorrentes na disputa que avalia a qualidade do item mais consumido no café da manhã dos sergipanos. A premiação foi entregue na noite do último sábado durante as comemorações em homenagem ao Dia do Panificador.

Esta foi a quinta edição da Campanha, que é desenvolvida por meio de uma parceria entre o Sebrae, o Moinho Motrisa, o Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria do Estado de Sergipe (Sindipan-SE) e o Instituto Federal de Sergipe (IFS). “ O segredo para fazer o melhor pão é investir na melhoria dos processos, buscar qualificar permanentemente a equipe de colaboradores e ter sempre a preocupação em oferecer o melhor produto para os nossos clientes”, explica o empresário Carlos Alberto Santos.

Como prêmio, além do título, Carlos Alberto recebeu 20 sacos de 50 kg de farinha de trigo. O título de melhor padeiro ficou com Wellington de Jesus Rodrigues Santos, que recebeu um notebook como reconhecimento pelo trabalho.

Demais premiados

O segundo e terceiros lugares da Campanha do Pão Francês também ficaram com duas empresas de Aracaju: a Casa do Pão, por meio da empreendedora Júlia Moreira Prada e do padeiro Willamis Santos Costa, e a Panificadora e Mercearia Grão de Trigo, do empresário Madson Batista de Oliveira e do padeiro Joserlanio dos Santos.

As panificadoras foram premiadas com 15 sacos e 10 sacos de farinha de trigo, respectivamente. Já os padeiros receberam como premiação um tablet e uma bicicleta.

Os pães foram avaliados por técnicos do Moinho Motrisa e do curso de Tecnologia de Alimentos do Instituto Federal de Sergipe (IFS) de acordo com a norma ABNT NBR 161 70, que divide os critérios em três grupos: características externas (cor, pestana, crocância, aspecto, integridade e simetria); internas (aparência, cor, textura e estrutura de células do miolo) e sensoriais (aroma, sabor e resiliência). Cada item recebeu uma nota de 0 a 10 pontos.

As doze panificadoras que obtiveram pontuação acima de 85% chegaram à segunda fase. Destas, três foram premiadas. Todos os empresários que participaram da Campanha receberam um laudo com as especificações técnicas do produto, sinalizando os pontos fortes e as oportunidades de melhoria.

“O pão francês hoje é o principal gerador de fluxo de clientes dentro de uma panificação. A sua melhoria possibilita ao empresário aumentar o seu faturamento e, consequentemente, viabilizar o crescimento do seu negócio. Além disso, os consumidores também são beneficiados, pois adquirem um item de melhor qualidade”, ressalta o analista técnico do Sebrae, Thiago Oliveira.

Fonte: Sebrae

 

Comentários