Pedrinho condena volta da CPMF

0

Pedrinho Valadares (Foto: Arquivo Portal Infonet)
O debate em torno da possibilidade da volta da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF) foi motivo de condenação por parte do deputado federal Pedrinho Valadares (DEM).

Ele estranhou que alguns políticos e setores ligados ao governo federal estejam aventando a volta da CPMF como forma de tributar mais ainda os brasileiros. “Já temos uma das maiores cargas tributárias do mundo e isso é um retrocesso no nosso país”, disse.

O parlamentar lamentou que setores governistas se aproveitem da vitória nas urnas, com a eleição de Dilma Rousseff, para estimular a volta do imposto. “Esse debate deveria ser travado no período eleitoral e não agora após a eleição”.

Pedrinho Valadares disse ser totalmente contra o retorno a CPMF, afirmando que a tentativa é a de fazer caixa para o governo, já que a destinação do que é arrecadada não vai para o sistema de saúde, proposta inicial de quando o imposto foi criado.

“Os lojistas já se manifestaram semana passada em Aracaju e redigiram uma carta à Nação que será entregue ao presidente Lula e a presidenta eleita. Estamos nos somando à posição da CNDL e CDLs de todo Brasil, contrariamente à volta do imposto”, declarou.

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais