Petrobras fechará 25 das 26 plataformas que operam em Sergipe

0

Empresa só deve se pronunciar sobre o caso no final desta semana (Foto: Arquivo Infonet)

A assessoria de comunicação da Unidade de Operação Sergipe Alagoas (UO-SEAL) da Petrobras informou que podem ser fechadas 25 das 26 plataformas que operam no Estado. Apenas a plataforma do campo de Piranema, que começou a operar em 2007, não será afetada pela decisão da empresa. O número é maior que aquele noticiado na terça-feira, 21, em primeira mão pelo Portal Infonet.

Uma nota oficial sobre o caso só deve ser divulgada no final desta semana pela presidência da companhia. Nesta quarta-feira, 22, representantes da Petrobras reuniram-se no Ministério Público do Trabalho (MPT) para tratar das irregularidades constatadas pelos fiscais do órgão após vistoria no final do mês passado.

A situação dos trabalhadores terceirizados também ainda não foi definida. Os que foram desembarcados continuam aguardando a resolução do problema. O resultado da reunião não foi divulgado.

A assessoria da empresa explicou, ainda, que o fechamento das plataformas pode ser “provisório”. O prazo para a Petrobras divulgar um comunicado oficial é necessário, de acordo com o assessor Luiz Roberto, porque situação pode ser revertida. “Não podemos dar maiores informações agora. O que podemos dizer é que a situação está sendo avaliada”, disse.

Por Diógenes de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais