Polícia ainda não localizou gerente suspeito de golpe

0
A fraude era cometida durante o empréstimo (Foto: Arquivo Infonet)

A polícia do município de Tobias Barreto ainda não tem pistas que levem ao paradeiro do gerente do Banco do Estado de Sergipe (Banese), que é suspeito de aplicar golpes em clientes. A instituição bancária não divulgou o valor da fraude.

Segundo a polícia, a fraude era cometida durante a solicitação do empréstimo pelo cliente, sendo que o gerente liberava um valor acima do pedido. O valor em excesso era transferido para uma conta pessoal do gerente.

Segundo o delegado Edson Nixon, do município de Tobias Barreto, os valores dos empréstimos são variados. “Ele não está aqui em Tobias. Existem informações de que o gerente possui família em Nova Açores, na Bahia. Já fizemos 15 boletins de ocorrência de pessoas vítimas do golpe. Ele aplicou golpes de R$ 8 mil, R$ 40 mil e até R$ 100 mil”, informa.

Por meio de nota, o banco garantiu que os clientes não sofrerão prejuízos. “O Banco do Estado de Sergipe (Banese), através de suas áreas de controle, identificou a fraude ocorrida na agência Tobias Barreto e já fez o encaminhamento do processo para o inquérito administrativo e investigação policial. O Banco assegura que os clientes não sofrerão qualquer prejuízo e informa que as pessoas lesadas devem procurar o gerente da agência Banese em Tobias Barreto para saber os procedimentos que deverão ser adotados. O Banese esclarece, ainda, que esse foi um fato isolado”, esclarece a assessoria de imprensa.

Informações sobre o paradeiro do suspeito podem ser encaminhadas à Polícia Civil através do disque-denúncia disponível pelo telefone 181.

Por Aisla Vasconcelos

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais