Possibilidade de adiamento do feriado de carnaval divide lojistas

0
CDL aguarda definição do Governo sobre feriado do carnaval (Foto: Portal Infonet)

O carnaval, uma das datas mais esperadas pelos brasileiros, acontece daqui a menos de um mês. Por conta da pandemia, há conversas em todo país sobre a possibilidade do adiamento do feriado de carnaval. Em Sergipe, o assunto divide opiniões entre os empresários.

A notícia da possibilidade do adiamento anima uma parte dos lojistas, mas desagrada a outra parcela. De acordo com o presidente da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL), Brenno Barreto, para a economia o funcionamento normal do comércio é benéfico.

“Um dia normal de faturamento é sem dúvida muito bom para a economia, em especial, em um momento como esse que vivemos. Não sendo feriado é optativo ao comerciante abrir ou não, mas é dada a possibilidade a quem quiser abrir. Sendo feriado os comerciantes ficam impedidos de abrir, a não ser que esteja pactuado a abertura no Convenção Coletiva de Trabalho (CCT)”, aponta.

Brenno Barreto entende que para a economia, adiar o feriado é mais vantajoso (Foto: Arquivo Pessoal)

Brenno explica que os lojistas de rua são favoráveis ao adiamento do feriado de carnaval, já os lojistas de galerias e shoppings preferem que o feriado seja mantido. “Temos essas duas frentes. Para o pessoal do Centro, por exemplo, não ter feriado e ponto facultativo é melhor porque movimenta o comércio, já para o pessoal do shopping, o feriado aumenta o fluxo de pessoas no centro de compras e de turistas também”, pontua.

O CDL conta que, oficialmente, ainda não há nada definido, mas que o carnaval deve ser pauta da próxima reunião do Comitê Científico marcada para esta quinta-feira, 21. “ Sabemos que a preocupação do Governador em relação ao carnaval é sobre a possibilidade de festas e aglomerações no feriado prolongado. Vamos aguardar as definições e apoiar a decisão do Comitê”, enfatiza Brenno.

O Governo de Sergipe confirmou que a possibilidade do adiamento do feriado do carnaval será discutida na reunião próxima reunião do Comitê Científico marcada para esta quinta-feira, 21.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais