Previdência tem resultado negativo no primeiro trimestre de 2009

0

A Previdência Social registrou no primeiro trimestre do ano arrecadação líquida de R$ 39,498 bilhões, com crescimento de 5,2% em relação ao mesmo período de 2008. Por outro lado, as despesas com benefícios aumentaram no período 7,6%, chegando a R$ 51,591 bilhões. Com isso, o resultado no trimestre foi negativo em R$ 12,093 bilhões, com aumento de 16,3% em relação ao primeiro trimestre do ano passado.

Em março, a arrecadação líquida, divulgada hoje (20) pela Previdência, foi de R$ 14,209 bilhões, com elevação de 10,6% em relação ao mesmo mês do ano passado. É um novo recorde histórico na arrecadação mensal, sem levar em consideração os meses de dezembro, quando é pago o décimo-terceiro salário.

As despesas com benefícios aumentaram 10,8%, atingindo R$ 17,340 bilhões. O resultado ficou negativo em R$ 3,130 bilhões, com aumento de 12,1%, devido ao aumento do salário mínimo e ao reajuste anual dos benefícios acima do piso, segundo o secretário de Políticas de Previdência Social, Helmut Schwarzer.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais