Projeção para inflação tem nova queda

0

A projeção de analistas de mercado para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ficou em 6,34% abaixo do teto da meta de inflação para este ano, que é de 6,5%. Na semana anterior, a projeção era 6,44%.

Para 2009, a projeção permanece em 5% há cinco semanas. O centro da meta de inflação para este e para o próximo ano é de 4,5%, com margem de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

A estimativa para a taxa básica de juros, a Selic, usada pelo Banco Central para controlar a inflação, permanece em 14,75% neste ano e em 14% em 2009.

No caso da inflação no mercado paulista, medida pelo Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisa Econômica (IPC-Fipe), a expectativa passou de 6,48% para 6,44%, em 2008 e subiu de 4,64% para 4,67%. Quanto aos preços administrados, a projeção continua de 3,80%, em 2008, e de 5,13%, em 2009.

A projeção para os dois índices que medem a inflação no atacado – Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) e Índice de Preços de Mercado (IGP-M) – caiu de 10,86% para 10,38% e de 10,96% para 10,73%, respectivamente. Para o próximo ano, a expectativa para o IGP-DI caiu de 5,32% para 5,30% e para o IGP-M permaneceu em 5,50%.

O boletim Focus divulga toda segunda-feira o resultado de pesquisa realizada semanalmente com uma centena de analistas do mercado financeiro sobre a expectativa para os principais indicadores econômicos.

Fonte: Agência Brasil

Comentários