Senar abre inscrições para produtores rurais receberem capacitação

São mais de 1500 novas propriedades para produtores nas cadeias citadas, em todo o território sergipano (Foto: Ascom Senar SE)

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, Administração Regional de Sergipe – SENAR/SE abriu, nesta segunda-feira, 1º, o processo de cadastramento para produtores rurais que tenham interesse em receber a Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Senar nas seguintes cadeias produtivas: Apicultura, Agroindústria Avicultura, Bovinocultura de Leite, Bovinocultura de Corte, Caprinocultura, Carcinicultura, Fruticultura, Olericultura, Ovinocultura, Piscicultura, Plantas Ornamentais, Rizicultura e Suinocultura.

São mais de 1500 novas propriedades para produtores nas cadeias citadas, em todo o território sergipano.

Os produtores que se cadastrarem e forem selecionados terão dois anos de acompanhamento e receberão atendimento mensal gratuito com duração de 4 horas, além de participar de capacitações realizadas pelo Senar. “O objetivo é capacitar para o empreendedorismo e a gestão do negócio, elevar a renda e a produtividade, buscando eficiência e eficácia, aumentar a rentabilidade, estabelecer o perfil tecnológico, social e econômico, além de elaborar o planejamento estratégico da propriedade.”, explica a coordenadora da ATeG, Taynã Matos.

O produtor de leite Utemberg Freitas de Porto da Folha/SE mudou a realidade da propriedade ao implementar práticas que garantiram economia e maior produção, com um produto de qualidade. “Após a chegada do programa, eu comecei a anotar tudo e corrigir os erros nas finanças, com os ajustes e maior produção eu consegui ampliar minha casa, troquei de carro e ainda dei de presente à minha esposa uma moto. O Senar mudou a minha vida”, reforça o produtor.

Os resultados são alcançados através de visitas técnicas mensais, diagnóstico produtivo e individualizado e recomendação para implementação de tecnologias, além de uma série de capacitações.

O presidente do Sistema Faese/Senar, Ivan Sobral, lembra que a Assistência Técnica e Gerencial do Senar vem transformando muitas histórias no campo por todo o país e em Sergipe não é diferente. “Os produtores assistidos pela ATeG mostram resultados que vão além da lucratividade, mas também de transformação social.”, reforça o presidente.

O produtor interessado deve fazer a inscrição até o dia 02 de maio, basta preencher o formulário através do link (https://forms.gle/4NtCA2mKH2Rh2iPp6), de acordo com a cadeia produtiva da propriedade e pré-requisitos descritos.

Bovinocultura de Corte | 20 cabeças de animais adultos

Bovinocultura de Leite | Prod. Mínima de 70L/dia

Suinocultura | 6 matrizes e/ou 20 suínos terminados

Apicultura | 5 Colmeias em produção

Avicultura | 400 aves de postura ou corte

Fruticultura | 1ha

Olericultura | 1 tarefa

Ovinocaprinocultura | 20 cabeças de animais adultos

Carcinicultura  | 400kg/ciclo

Piscicultura | 300kg/ciclo

Plantas ornamentais  | 1 tarefa

Rizicultura | 4ha irrigado

Agroindústria | regularização

Conheça as mudanças do produtor de leite de Porto da Folha, Utemberg Freitas, após a chegada da Assistência Técnica e Gerencial:
https://youtu.be/C8uQExlUMrE?si=7FM_TseVhGuIgiqz

Fonte: Ascom Sistema Faese/Senar

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais