Tarifa: Frente quer audiência com o prefeito João Alves

0
Frente e Cut protocolaram audiencia com o prefeito esta manhã (Fotos: Portal Infonet)

A Frente em Defesa do Transporte Público e a Central Única dos Trabalhadores de Sergipe (Cut) protocolaram na manhã desta quinta-feira, 25, uma audiência com o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM). Os dois movimentos querem uma reunião na tentativa de pedir que ele não sancione o aumento da tarifa de R$ 2,25 para R$ 2,45, aprovado pela Câmara Municipal de Aracaju (CMA), na última semana.

O documento foi protocolado na Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA), mas os representantes temem que o aumento ocorra no período em que o prefeito esteja em viagem. “A gente espera que sejamos atendidos antes que a passagem aumente. Já protocolamos uma audiência com prefeito, mas sabemos que ele está viajando”, disse o diretor de Políticas Sociais da CUT Sergipe, Plínio Pugliese.

Segundo um dos líderes da Frente, Gustavo, outros movimentos já estão agendados para acontecer nos próximos dias, com o objetivo de pressionar a Câmara. Amanhã “no Terminal do Dia” faremos o “Rádio Feira” que é um diálogo com a população, pois muita gente não sabe que o transporte vai aumentar. “O objetivo é dialogar com a população e deixá-la ciente da situação”, diz.

Plínio Pugliese

Sem data

O reajuste da tarifa, aprovado no dia 10 de abril pelos vereadores de Aracaju, ainda não tem data para entrar em vigor. Após a aprovação pelos parlamentares, o prefeito tem 15 dias para estudar e decidir se aprova o reajuste. O presidente da Câmara de Vereadores, Vinicius Porto, garantiu que o plano de aprovação do reajuste já foi encaminhado à prefeitura para apreciação do prefeito João Alves Filho.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais