Taxa de desemprego aumenta em Sergipe

0
Taxa de desocupação em ascensão (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O Estado de Sergipe apresenta uma das maiores taxas de desocupação (desemprego) do país. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), no último trimestre [que corresponde aos meses de agosto, setembro e outubro], Sergipe apresentou uma taxa de desocupação de 14,2%, o que representa um crescimento de 5,7%, quando comparado com os dados observados no mesmo período do ano passado.

Tomando por base o trimestre anterior [o segundo trimestre de 2016], a taxa de desocupação apresentou crescimento de 1,6%. A pesquisa do IBGE traz um outro cenário ainda mais preocupante. São dados relacionados às taxas combinadas [que inclui a taxa de desocupação, da força de trabalho potencial e da subutilização da força de trabalho], na qual Sergipe desponta em terceira colocação com 31,9%, empatado com o Estado do Maranhão. Neste item, estão à frente os Estados da Bahia, com 34,1% e Piauí, com 32,6%.

O economista Luiz Moura, técnico do Departamento Intersindical de Estatística e de Estudos Socioeconômico (Dieese), observa que os dados divulgados pelo IBGE revelam um cenário de elevação da taxa de desocupação [desemprego] e de precarização do mercado de trabalho.
Para o economista, este cenário é consequência da crise econômica do país, o que tem impulsionado as pessoas a buscar alternativas individuais, aumentando inclusive a concorrência daqueles que despontem como autônomos no mercado. Um cenário que tende a se agravar, na ótica de Luiz Moura, em decorrência das medidas anunciadas pelas três esferas de Governo [União, Estados e Municípios], que pretendem cortar gastos para vencer a crise econômica já instalada.

Estas medidas, conforme Luiz Moura, terão reflexo direto no mercado de trabalho. “Aumenta o número de pessoas que trabalham por conta própria, deixam as pessoas menos sensíveis ao apelo consumista e à gorjeta. E esta situação acaba alimentando a crise”, considera Luiz Moura.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais